Mozilla está desenvolvendo seu próprio dispositivo de streaming

mozilla-streaming-stick

A Mozilla está desenvolvendo seu próprio dispositivo de streaming, semelhante ao Chromecast do Google, de acordo com um novo relatório.

O dongle será baseado no sistema operacional da própria empresa, o Firefox OS, e será capaz de rodar pelo menos alguns dos aplicativos do Chromecast, de acordo com o site Gigaom.

O dispositivo de streaming está (ou estava) sendo desenvolvido secretamente pela Mozilla em conjunto com um outro sócio, informou o site. A identidade do parceiro não é clara e a empresa ainda está trabalhando no dispositivo. Mas as acordo com um vídeo demo publicado pelo repórter Janko Roettgers, não falta muito para o doogle ser finalizado e, consequentemente termos uma data de anunciação confirmada.

 O dispositivo no vídeo parece funcionar muito parecida com o Chromecast do Google, reproduzindo conteúdo à partir de um tablet Nexus 7 e uma televisão. Ele também à reprodução a partir da web via navegador do Firefox, disse Roettgers. O dispositivo é compatível com alguns aplicativos Chromecast existentes, incluindo Google Play Music, YouTube e Plex.

Notícias possível concorrente do Chromecast ainda não anunciado vazaram pela primeira vez nesta quinta-feira (19), quando um empregado da Mozilla postou uma foto do protótipo em seu Twitter:

chromecast

Se a Mozilla realmente lançar um dispositivo de streaming via dogle, que atualmente pode ser conhecido pelo codinome Netcast, ela vai se juntar a mercado cada vez mais saturado e competitivo.

A Roku lançou seu próprio dispositivo streaming via dogle no início deste ano. A Amazon também tem como objetivo competir no espaço de streaming com o seu set-top box Fire TV, recentemente anunciado. Relatórios também sugerem a Apple poderá realizar uma parceria com a Comcast para produzir o seu próprio concorrente ao Chromecast.

A Mozilla espera se destacar da concorrência, tornando o seu dongle “mais aberta e vulnerável a modificações”, de acordo com GigaOm, com uma plataforma que não vai colocar quaisquer restrições sobre os tipos de conteúdo abertos para os desenvolvedores.

O Firefox OS é uma plataforma aberta disponível gratuitamente para qualquer para empresa desenvolver em cima, sem restrições. Isso significa que as empresas podem experimentar o sistema com diferentes fatores, determinando a forma em que desejam executar Firefox OS.


O que você acha da iniciativa da Mozilla neste mercado? Você possui um dispositivo como o Chromecast? Pretende adquirir um? Deixe sua opinião nos comentários logo abaixo!

2 respostas

  1. oton
  2. oral surgeon salary